megafone-manchete

Em defesa da Cassi, exigimos transparência!

A ANS (Agência Nacional de Saúde) divulgou no início de junho a lista de operadoras de Planos de Saúde que não cumpriram as exigências de atendimento e foram sancionadas com impedimento de comercialização de seus planos de saúde, ou seja, não poderão ter novos associados até que resolvam as inconsistências apresentadas.

A imprensa e a diretoria do BB, por meio de sua agência de notícias, divulgaram que o Cassi Família faz parte desta lista e a diretoria do Banco e da Caixa de Assistência confirmaram a informação, no entanto a sanção também atinge o Plano de Associados.

Embora os funcionários que entraram no Banco por decisão judicial têm a garantia de entrar na Cassi independente da decisão da ANS, este é um fato inadmissível, pois nossa Caixa de Assistência foi construída pelos funcionários do BB para garantir saúde a todos os trabalhadores.

Uma pergunta que devemos fazer: Por que o Banco e nem mesmo a Cassi divulgaram para os associados a real situação em que nossa Caixa de Assistência se encontra em relação a sanção da ANS? A Cassi foi construída pelos bancários do BB e pertence a eles, portanto transparência tem que ser um valor fundamental.

O compromisso dos conselheiros eleitos pela oposição bancária tem como centralidade a transparência, princípio básico da representação, e ao mesmo tempo atuar internamente em suas funções cobrando que a diretoria tome todas as medidas para garantir que a Cassi cumpra plenamente com suas obrigações junto ao corpo associado.

A Cassi tem que buscar reverter imediatamente as sanções que a ANS aplicou e garantir pleno atendimento com garantia de assistência à saúde a todos os associados e a todos os funcionários do BB.

Por fim, importante dizermos que a responsabilidade central do ocorrido é do Banco, que sistematicamente tem buscado se desresponsabilizar com nossa saúde, seja com as reformas estatutárias em que diminui sua contribuição ou com as reestruturações, fazendo com que o Banco diminua consideravelmente suas contribuições com a Cassi, resultado dos descomissionamentos, das reduções de jornada com redução de salários, com o fechamento de mais de dez mil postos de trabalhos, sem contar com o maior adoecimento dos bancários do BB.

Por isso vamos a público para exigir que o Banco cumpra suas responsabilidades sem ocultar informação alguma aos associados.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *