mesa

Plenária em Pernambuco discute prejuízos da resolução 23 da CGPAR

No dia 1° de fevereiro, em Pernambuco, foi realizada plenária para discutir estratégias de mobilização contra a resolução 23 da CGPAR (Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da União).

Leodete Sandra, conselheira eleita da Cassi, fala ao plenário
Leodete Sandra, conselheira eleita da Cassi, fala ao plenário

Leodete Sandra, conselheira eleita da Cassi, sugeriu a inclusão desta pauta na campanha salarial, bem como “o envolvimento com as demais categorias das estatais que também são alvo dos ataques previstos com a resolução da CGPAR”.

Além disso, a conselheira destacou que o mandato na Cassi tem denunciado que a última reforma estatutária vendeu a ilusão de que o déficit estaria resolvido até fim de 2019, mas que seis meses depois de assinado o memorando já nos encontramos em mesma situação. “O banco e todas as associações e sindicatos que defenderam essa proposta deveriam explicar como foi feito o cálculo para o memorando. Vale relembrar que o banco moveu tudo o que podia para aprová-la, pois tinha uma reestruturação na manga que impactaria diretamente na CASSI ao retirar dez mil postos de trabalho e que certamente influenciaria no resultado do plebiscito”, pontuou a conselheira.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *